“[…] Na visão da autora, os estudos brasileiros são carentes de tal análise, o que garante ao texto uma importância significativa:

Ao contrário do que ocorre em países desenvolvidos, o Brasil é pobre em pesquisas desse tipo. Pouco se estuda sobre as elites, pouco se sabe sobre suas características educacionais, profissionais e, principalmente, sobre seus aspectos organizacionais e vínculos associativos (D’ARAÚJO, 2009:5).

O campo empírico analisado pela obra abrange anos dos dois governos de Luís Inácio Lula da Silva, tendo as pesquisas compreendidas entre os anos de 2006/2009.”

(Andressa Brito Vieira)

Clique aqui para baixar a resenha completa: Quem é a elite que comanda o governo?

Anúncios